Perguntas Frequentes

As perguntas frequentes abordam os assuntos que normalmente são dúvidas para os usuários.

Aço Inox: Onde o aço inox não deve ser utilizado?

Não deve ser utilizada em ambientes de altas temperaturas. O revestimento de aço inoxidável não resiste à impactos.

Aço Inox: Quais as melhores aplicações do revestimento de aço inoxidávell?

O aço inoxidável é muito utilizado para recomposição dimensional de peças que sofreram algum tipo de desgaste. Por ter maior tenacidade permite que sejam aplicadas camadas de até 1mm

Aço Inox: Quais os ambientes mais propícios para aplicação do aço inox?

O revestimento de aço inoxidável é recomendado para ambientes que necessitam resistir ao desgaste em temperaturas inferiores a 540 graus centígrados. Utilizado onde a base não é resistente à corrosão.

Aço Inox: Qual a temperatura de trabalho que o aço inox suporta?

O revestimento de aço inoxidávell pode trabalhar em temperaturas de até 540 graus centígrados

Alumina Titânia: Onde a alumina titânia não deve ser utilizada?

Não deve ser utilizada em peças que sofrem qualquer tipo de impacto.

Alumina Titânia: Quais as melhores aplicações dos revestimentos de alumina titânia?

Os revestimentos de alumina titânia são aplicados em peças de indústria alimentícia que necessitam resistir ao desgaste abrasivo e à corrosão sem contaminar os aliminentos. Exemplos: Hastes hidráulicas, luvas de bombbas, guias, etc.

Alumina Titânia: Quais os ambientes mais propícios para aplicação da Alumina Titânia?

A alumina titânia é muito utilizada em peças que necessitam ter resistência ao desgaste em ambientes ácidos e alcalino.

Alumina Titânia: Qual a temperatura de trabalho que a alumina titânia suporta?

O revestimento de alumina titânia pode trabalhar em temperaturas de até 540 graus centígrados

Carboneto de Cromo: Onde a liga não deve ser utilizada?

Não deve ser utilizada em ambientes que contenham materiais ácidos. O carboneto de cromo não resiste à impactos.

Carboneto de Cromo: Quais as melhores aplicações do carboneto de cromo?

O carboneto de cromo também pode ser utilizado como substituto do cromo duro devido as suas características técnicas serem superiores ao desse revestimento. No entanto é muito indicado para peças que trabalham em altas temperaturas, como, por exemplo, peças da inústria siderúrgica, termelétricas e cimenteiras. Exemplos: guias, hastes hidráulicas, pás de ventiladores, tubos de caldeiras.

Carboneto de Cromo: Quais os ambientes mais propícios para aplicação dessa liga?

O carboneto de cromo é recomendado para ambientes que necessitam resistir ao desgaste em temperaturas elevadas.

Carboneto de Cromo: Qual a temperatura de trabalho que ele suporta?

O carboneto de cromo pode trabalhar em temperaturas de até 850 graus centígrados

Carboneto de Tungstênio Cromo: Onde a liga não deve ser utilizada?

Não deve ser utilizada em ambientes que contenham materiais ácidos. Também não é recomendada a sua utilização em temperaturas superiores à 450 graus centígrados. O carboneto de tungstênio / cromo não suporta impactos.

Carboneto de Tungstênio Cromo: Quais as melhores aplicações do carboneto de tungstênio cromo?

O carboneto de tungstênio / cromo é um revestimento que pode ser utilizado como substituto do cromo duro. Suas caracterísicas de resistância ao desgaste são tecnicamente superiores e não tem os problemas de residuos ambientais gerados pelo processo de aplicação do cromo duro. Exemplos de aplicação: Hastes hidráulicas, obturadores de válvulas de esfera e gaveta e roscas transportadoras.

Carboneto de Tungstênio Cromo: Quais os ambientes mais propícios para aplicação dessa liga?

O carboneto de tungstênio / cromo é recomendado para ambientes que necessitam resistir à corrosão e ao desgaste.

Carboneto de Tungstênio Cromo: Qual a temperatura de trabalho que ele suporta?

O carboneto de tungstenio / cromo pode trabalhar em temperaturas de até 450 graus centígrados.

Carboneto de Tungstênio: Onde esta liga não deve ser utilizada?

Não deve ser utilizada em ambientes que contenham materiais ácidos. Tmambém não é recomendado a sua utilização em ambientes com temperaturas de trabalho superiores a 450 graus centígrados. O carboneto de tungstênio não suporta impactos.

Carboneto de Tungstênio: Quais as melhores aplicações do carboneto de tungstênio?

O carboneto de tungstênio é melhor aplicado em peças que trabalham em ambientes que sofrem pela ação da abrasão ou da erosão, mas sem agentes corrosivos. Exemplos: Roscas Transportadoras, Anéis de vedação